Aspectos Geográficos



     O Arquipélago de Fernando de Noronha surgiu em conseqüência de um vulcão submarino que entrou em erupção numa fresta da crosta terrestre, há mais de 12 milhões de anos, devido ao afastamento ocorrido entre a África e a América do Sul e de mais dois outros eventos vulcânicos formando essa montanha submarina com cerca de 4 mil metros de profundidade e uma base de 60 km de diâmetro, em pleno oceano Atlântico. 

     O morro do Pico é o ponto mais elevado com 323m de altura. É uma referência para os viajantes: seu topo, com formato agudo, pode ser identificado a mais de 30 milhas de distância em dias de boa visibilidade.

     O arquipélago todo tem 26 km2 composto por 21 ilhas, ilhotas e rochedos, sendo que a principal, Ilha de Fernando de Noronha, tem 17 km2. Tem 10 km de comprimento, e seu trecho mais largo, 3,5 km. Num afastamento de 10 km, a profundidade em torno das ilhas costuma atingir pelo menos 1.000m caindo abruptamente até 4 e 5 mil metros na base do vulcão.

     A temperatura média é de 27o C, o clima é quente oceânico com estação chuvosa de março a agosto e estiagem de setembro a fevereiro. O sol sempre é muito forte, exigindo protetor solar.

Tem uma hora a mais em relação ao continente, com exceção no horário de verão, quando iguala ao de Brasília/DF.



                                 Chegando em Noronha



     Há duas companhias aéreas que fazem vôos diários com saídas de Recife e Natal, a GOL e a TRIP. Dista 510 km de Recife/PE, 361 km de Natal/RN e 710 km de Fortaleza/CE.

     Não há limite para o tempo de permanência na Ilha mas no desembarque é cobrada a “taxa de preservação ambiental”, sendo a mesma progressiva, i. e., aumentando a cada dia.

     Existe uma pequena estrutura no Porto para os velejadores sendo que toda embarcação de recreio, ao chegar, deve comunicar-se com o controle portuário, através do canal 12 ou 16 de VHF marítimo, para instruções. As embarcações devem ficar na parte externa pois o atracamento dentro do molhe de proteção é proibido. A Administração cobra taxa de ancoragem e taxa de preservação ambiental tanto para os passageiros quanto para os tripulantes.

Colina, s/n. Vila do 30

Fernando de Noronha-PE

Brasil

81 - 36191638 

Whatapp: 48 999293698

© 2012 by John Smith